Arquivo mensal: março 2015

Rastreador + Seguro é opção com melhor custo-benefício

ap035s6295

O Portal E-Konomista, especializado em finanças pessoais, publicou um post sobre as vantagens de se ter um rastreador veicular. Confira.

VANTAGENS DE TER UM RASTREADOR VEICULAR

O rastreador veicular e bloqueador, mesmo com a assistência de uma empresa, tem como finalidade, entre outras, localizar o seu veículo em caso de roubo ou furto, bloquear o seu funcionamento e recuperá-lo. A taxa de recuperação de veículos roubados ou furtados chega a quase 98%. 

Mais do que prometer a recuperação do veículo rastreado, o rastreador veicular também é um sistema de proteção para o motorista e para a família, principalmente se for um sistema assistido por uma empresa, no caso, os rastreadores com mensalidade.

 As empresas de rastreamento estão preparadas 24h por dia para atender chamadas de emergência e sinal de pânico, entrando em contato com a polícia e agilizando todo o processo de recuperação do veículo, mas também garantindo o máximo possível de segurança ao motorista, em caso de sequestro.

RASTREADOR VEICULAR OU SEGURO DE VEÍCULOS?

Em primeiro lugar, é preciso deixar claro que o rastreador veicular não substitui o seguro de veículos. Os dois são serviços que se complementam.

 Mas com o elevado índice de recuperação de veículos dos sistemas de rastreamento com mensalidade, muitas seguradoras de veículos oferecem descontos e preços mais baratos para os clientes que possuem rastreador veicular.

O ideal é tentar combinar os dois serviços para economizar.

Nota do blog: É aí que entra o novo produto CarSystem com seguro, que une a tecnologia do nosso rastreador, com a proteção do seguro da QBE, que indeniza pelo valor da tabela FIPE aos clientes com carros de 50 a 80 mil reais.

Ligue para a CarSystem e adquira o seu: 4003-5656.

Cidade da Grande SP é recordista em furto e roubo de veículos

Mogi das Cruzes: 112% de aumento nos casos de furto de veículos

Para frear os casos de furto de veículos, a Polícia Militar de Mogi das Cruzes redirecionou as ações de patrulhamento nos locais que mais apresentam índice de furtos. Estatísticas da Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP) indicam crescimento de 70% na região do alto Tietê na comparação entre janeiro de 2014 e janeiro deste ano.

Em Mogi das Cruzes, os bolsões de estacionamento próximo ao Terminal Estudantes e ao shopping, além da região central como um todo, são os locais que mais requerem cuidados.

Mesmo assim Letícia Lourenço teve objetos furtados do interior de seu carro duas vezes, em menos de um mês. “Primeiro foi no final de dezembro, no dia 29. Arrombaram a porta, abriram o porta-malas e levaram o estepe. No fim de janeiro levaram o rádio.”

L noite, às 19h, quando eu cheguei,” conta acrescentando que não registrou o boletim de ocorrência.

O carro do aposentado Jurandir Leite foi levado depois de ter sido estacionado em frente à casa do seu filho, na Vila Jundiaí. Desde o dia 16 de fevereiro ele não teve mais informações da polícia após registrar o boletim de ocorrência.

Crescimento dos furtos
Itaquaquecetuba é a cidade que mais teve aumento: 442%. Mogi das Cruzes segue em segundo lugar, com um aumento de 112%. Entre outros fatores, a Polícia Militar credita o crescimento do crime ao aumento da frota de veículos. “Há uma série de fatores que interferem nesses números. Houve o aumento no número de veículos licenciados, por exemplo. O Estado de São Paulo como um todo teve este crescimento. Agregado a isso, a facilidade do financiamento estimulou que mais pessoas comprassem carros,” explica a capitã do 17º Batalhão da PM Lígia Alves.

A cidade de Itaquaquecetuba registrou um aumento de 259% em sua frota ente os anos de 2003 e 2012. No ano de 2014 a cidade contava com 100 mil veículos, de acordo com os dados da Pesquisa Nacional de Trânsito. Mogi também registrou o aumento de 102% no período em estudo. Em 2014, a cidade tinha frota de 205 mil veículos.

 

Aumento de roubos de veículos dispara preço de seguro tradicional

O aumento dos furtos de veículos em várias cidades do Estado de São Paulo neste ano deverá provocar reajuste maior no valor dos seguros, segundo previsão do Sindicato dos Corretores de Seguros. Piracicaba, por exemplo bateu recordes de sinistros no período. O município registrou 173 crimes desta natureza em janeiro de 2015, número 69% maior que no mesmo mês de 2014, conforme dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP) do estado de São Paulo.

Os preços dos seguros no município tiveram crescimento de15% a 20% nos últimos três anos, mas em 2015 o percentual poderá ser maior. O diretor do Sindicato dos Corretores de Seguros de São Paulo, Carlos Alberto Caporali, afirma: “São analisados os números de veículos furtados, as marcas e as regiões onde ocorreram os crimes. Com tudo isso é feito um cálculo. O aumento do seguro fatalmente virá”.

O empresário Daves Aparecido Monis disse que já sentiu a elevação nos valores. “Ficou cerca de R$ 1 mil mais caro”, segundo ele. “É ruim de pagar, mas é pior ficar sem”, completou.

A CarSystem está lançando, em parceria com a Seguradora QBE, um  plano de rastreador com seguro para carros com valor entre 50 e 80 mil reais. O preço é fixo, baseado no preço de mercado do automóvel e não no índice de sinistros de cada modelo.